Rate this item
(0 votes)

O RELATÓRIO DE BRODECK – Obra-prima de Manu Larcenet

By Publicado dezembro 09, 2021

A Segunda Guerra Mundial é, possivelmente, o acontecimento histórico mais marcante da história da humanidade no que diz respeito ao impacto cultural e social delegado de seus acontecimentos. São incontáveis as obras que retratam este período sombrio e suas consequências, sob todas as diferentes artes possíveis. Ainda assim, há um lugar de destaque para a graphic novel O Relatório de Brodeck.

Editado pela Ala dos Livros, em outubro de 2021, esta novela gáfica assinada e ilustrada pelo francês Manu Larcenet, numa adpatação do romance homonimo de Philippe Claudel.

O Relatório de Brodeck situa-se no final da segunda guerra. A história passa-se numa aldeia alemã (uma qualquer localidade próxima da fronteia) numa região muito distante e isolada entre as montanhas. A narrativa tem início após a morte de um visitante estrangeiro que se hospedara algum tempo antes na aladeia. Sem ter revelado seu nome, o misterioso homem foi batizado pelos aldeões de “Anderer” (do alemão, o “outro”, ou neste sentido, um intruso, forasteiro).

Anderer veio a ser assassinado pelos próprios habitantes do lugar. Brodeck (personagem que nos relata a historia), deslocou-se à taberna onde o crime ocorreu momentos antes da sua chegada. O seu intuito seria apenas para comprar manteiga, mas perante os acontecimentos que não presnciou, é encarregado pelo presidente e as lideres locais de escrever um relatório oficial sobre as circunstâncias do crime, devendo justificar os motivos que levaram os moradores a pretuar tal ato.

Brodeck, passa a redigir o relatório, mas também a escrever as suas próprias memórias, onde nos apresenta dessa forma todas as faces da história e como ocorreu a morte do Anderer. Através das memórias do protagonista, conhecemos também o seu passado – ele próprio também um “anderer”, sua passagem pelos campos de concentração, a tragédia que acometeu a sua família e como a guerra afetou a aldeia e os seus habitantes.

UM RELATÓRIO SOBRE A (DES)HUMANIDADE

O Relatório de Brodeck, tem a guerra como pano de fundo, uma população isolada que passou a maior parte da guerra alheia ao que acontecia no mundo e mesmo na própria Alemanha. Isso está presente no momento em que o lugar recebe pela primeira vez a “visita” das tropas alemãs, na altura em que a derrota de Hitler era iminente.

Brodeck não poupa as palavras para mostrar como os seus companheiros, amigos e vizinhos se tornaram seres vis.

Com diálogos poderosos e provocadores, O Relatório de Brodeck aborda, essencialmente, um dos maiores pesadelos do homem: o confronto consigo mesmo. E nada como a guerra para mostrar as suas atitudes mais obscuras. Como é dito pelo padre, numa passagem desta novela gáfica:

“A GUERRA É O TRIUNFO DO MEDÍOCRE… O CRIMINOSO RECEBE A AURÉOLA DE SANTO E NÓS NOS CURVAMOS PERANTE ELE, ACLAMANDO-O… A VIDA PARECE TÃO MONÓTONA PARA OS HOMENS, QUE ELES PREFEREM A RUÍNA!”.

Read 769 times
Login to post comments

VOZ ONLINE é o nome da rádio licenciada pela Associação Voz Online Rádio - ARDVOZ.

  •  

Registo na ERC nº 700077
  •  
    spotify6  google podcast