Variações em torno de textos do poeta Al Berto (1948-1997). No obra de Al Berto, ficção e autobiografia convergem num registo de contaminação recíproco — assim como lirismo e narratividade. A poesia serve, a Al Berto, de registo e de auxiliar de memória. Por isso o olhar é tão importante nesta obra: o gesto de olhar confunde-se aqui com o de escrever. Por isso, porque a poesia de Al Berto é outra forma de olhar, ela chama, pede outras imagens que complementem a compreensão da escrita, ou que se lhe oponham trazendo, nessa oposição, novos sentidos à leitura

 

VOZ ONLINE é o nome da rádio licenciada pela Associação Voz Online Rádio - ARDVOZ.

Todos os direitos reservados.

 

 

 

 

 

 Registada na ERC com o nº 700077

Em breve, vamos estar na COSSOUL
R. Nova da Piedade n.66
1200-299 Lisboa
 
  Voz Online:  
--:--  |
Toggle Bar
© 2017 ARDVOZ - ASSOCIAÇÃO RÁDIO VOZ ONLINE

Please publish modules in offcanvas position.